Prevenir é melhor que remediar?

Essa é uma pergunta que frequentemente ronda nossa mente. Como na década de 1970, com a revolução industrial, o Brasil ocupou o primeiro lugar no mundo em acidentes de trabalho, observou-se necessário analisar esse mesmo questionamento e atribuir uma solução para tal obstáculo.

Com esse problema em vista, o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) criou as Normas Regulamentadoras (NR), que consistem de regras que devem ser seguidas por todos os tipos de empresa (privada, pública e órgãos governamentais), sendo regidas pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), cujo objetivo principal é zelar pela segurança e saúde dos trabalhadores para que os entraves fossem prevenidos na medida do possível.

As normas utilizam de diversos regimentos trabalhistas que abrangem desde os setores da agropecuária até os industriais, demonstrando como e com que equipamentos os trabalhos devem ser feitos, analisando a medida mais segura para o trabalhador e fornecendo uma base para as empresas.

Então: prevenir ou remediar?

Muitas empresas, mediando os gastos que teriam por cumprir todas as normas propostas pelo Ministério do Trabalho, acabam por vezes remediando as adaptações das atividades e alocações da empresa. Tendo em vista somente os prejuízos dessa mudança, o que proporciona uma janela de causalidade no limiar da marginalização da empresa em meio à legislação vigente, o que pode culminar no fechamento da empresa ou até mesmo em graves acidentes ocasionados por sua estrutura mal administrada, que preza pelo lucro e não pelo bem estar dos seus empregados.

Seguir as NRs de segurança podem minimizar significativamente o risco de ações indenizatórias, tal condenação pode ser mais de um milhão de reais!

Apesar dos gastos gerados, se todas as normas forem atendidas, os servidores em geral conseguirão uma base estrutural que os permitem realizar seu trabalho de forma mais satisfatória, correndo menores riscos e em um local que não possui condições desumanas de trabalho, consequentemente aumentando a produtividade geral da empresa.

Portanto, alguns serviços estão disponíveis no mercado a fim de analisar a integridade das normas em sua empresa, a INOVATECH realiza essa análise referente à NR-10 (Segurança em instalações e serviços de eletricidade) e NR-12 (Segurança em máquinas e equipamentos), clique AQUI e faça seu orçamento gratuitamente!